Sebrae cria plano para desenvolvimento local

Projeto busca trabalhar o crescimento com base na vocação econômica de cada município

REGIÃO - ROBERTO KAWASAKI

Data 23/10/2020
Horário 05:08
Arquivo - José Carlos Cavalcante afirma que custo será elevado
Arquivo - José Carlos Cavalcante afirma que custo será elevado

O Sebrae-SP (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas) apresentou nesta semana um projeto que visa o desenvolvimento econômico nos municípios da região de Presidente Prudente. O PDL (Plano de Desenvolvimento Local) abrange 54 cidades e tem como foco trabalhar o crescimento com base na vocação econômica de cada localidade – ou seja, conforme os setores que mais movimentam a economia dos municípios.
A proposta foi apresentada nesta semana ao deputado estadual Mauro Bragato (PSDB), por José Carlos Cavalcante, gerente regional do Sebrae-SP. “A ideia é levar dois programas dentro do PDL. Vamos trabalhar os setores vocacionais das localidades, levando inovação às empresas, e melhora na competitividade dos pequenos negócios que participam desses setores, ainda mais agora para essa retomada”, explica Cavalcante. 
A expectativa é levar o projeto adiante em 2021, logo que as gestões municipais assumirem os postos. Conforme o gerente, no primeiro momento não será possível atender a todos os municípios de uma só vez, meta que poderá ser alcançada em dois anos. “Para rodar um PDL precisa de um mínimo de participantes, [avaliação do] município, volume de atividades. O custo ainda não foi fechado, mas é elevado. Por isso, a importância em reunir as principais lideranças públicas e privadas dos municípios para fazer o diagnóstico”, expõe. 
Cavalcante afirma que já existe um mapeamento com algumas localidades, o que inclui Presidente Prudente. Os municípios que ficarem de fora, por não estarem preparados para o PDL, serão contemplados com ações pontuais. “Infelizmente, com a pandemia, as empresas passaram e ainda passam por momentos de dificuldades. E no ano que vem, certamente, necessitarão de orientações [para voltarem ao mercado]. O desafio está aí, e o Sebrae é mais um para ajudar na recuperação e retomada do desenvolvimento regional”, salienta Cavalcante. 

SAIBA MAIS

Parceria do Sebrae e Prefeitura viabiliza cursos de empreendedorismo em Prudente

Startups da região podem se inscrever em programa de aceleração do Sebrae

Sebrae abre oito vagas para profissionais de inovação com remuneração de R$ 4 mil em PP

Veja também