Após decisão judicial, Prefeitura revoga cessão do Recinto de Exposições para almoço com Bolsonaro

Local seria utilizado para a realização de evento com até duas mil pessoas neste sábado, quando o presidente chega à cidade para cumprir agenda oficial

PRUDENTE - DA REDAÇÃO

Data 28/07/2021
Horário 16:12
Foto: Google Maps
Justiça impediu realização de almoço para Bolsonaro com até 2 mil pessoas no Recinto de Exposições
Justiça impediu realização de almoço para Bolsonaro com até 2 mil pessoas no Recinto de Exposições

A Prefeitura de Presidente Prudente, por meio da Seajur (Secretaria de Assuntos Jurídicos e Legislativos), informou na tarde desta quarta-feira que, em atendimento à decisão judicial, revogou os decretos 32.177/2021 e 32.229/2021, que cediam o Recinto de Exposições “Jacob Tosello” para receber o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e até 2 mil pessoas, em evento que estava sendo organizado por entidades ruralistas.

As mudanças estão contidas no decreto 32.234/2021, publicado no início da tarde desta quarta-feira no Diário Oficial Eletrônico, que mantém a declaração de hóspede oficial do município para o presidente da República.

O Executivo ressalta que a agenda oficial de Bolsonaro na cidade permanece mantida para este sábado. De acordo com o cronograma informado pela assessoria do presidente da República, a previsão é de que Bolsonaro chegue ao aeroporto prudentino por volta das 9h. Já às 10h, o presidente cumprirá agenda oficial no HRCPP (Hospital Regional do Câncer de Presidente Prudente), em evento no qual deverão estar presentes os prefeitos das cidades ligadas à Unipontal (União dos Municípios do Pontal do Paranapanema) e demais autoridades da região.

O acesso à cerimônia será limitado e controlado pela comitiva presidencial, com acesso liberado apenas para pessoas previamente credenciadas.

Leia mais

Veja também