Região de Prudente reduz homicídios, latrocínios e furtos no primeiro semestre

Roubos em geral e de carga e os estupros também reduziram; não foram registrados roubo a banco e extorsão mediante sequestro no período

REGIÃO - DA REDAÇÃO

Data 25/07/2020
Horário 17:56
SSP - Semestre resultou em 2.749 prisões e na apreensão de 187 armas de fogo ilegais Foto: SSP - Semestre resultou em 2.749 prisões e na apreensão de 187 armas de fogo ilegais

A região de Presidente Prudente terminou o primeiro semestre do ano com redução em indicadores importantes, como os homicídios dolosos, latrocínios, todas as modalidades de furtos e nos roubos em geral e de carga. Também houve queda nos casos de estupros e não foram registrados boletins de roubo a banco e extorsão mediante sequestro.

De janeiro a junho deste ano foram contabilizadas duas ocorrências e uma vítima a menos de morte intencional, se comparado aos primeiros seis meses de 2019, quando houve 26 casos com 26 vítimas.

Com isso, as taxas dos últimos 12 meses (de julho de 2019 a junho de 2020) ficaram em 4,29 ocorrências e 4,55 vítimas para cada grupo de 100 mil habitantes. O primeiro índice é o menor da série histórica, iniciada em 2001.

Nos roubos seguidos de morte, o recuo foi de dois casos e duas vítimas, com apenas um registro para cada indicador no primeiro semestre do ano.

Outros indicadores

Os furtos em geral e de veículo, na região, apresentaram as menores quantidades da série histórica para o período. O primeiro reduziu 29,1%, passando de 4.475 para 3.173 (1.302 a menos). O segundo caiu 21%, com 158 registros, ante 200.

De janeiro a junho deste ano foram contabilizados 183 casos de roubos em geral. Nos primeiros seis meses de 2019 esse número era de 225. Ou seja, o recuo foi de 18,7% ou de 42 ocorrências. A quantidade também é a menor da série histórica.

O indicador de roubo de carga passou de quatro para três, com um caso a menos. Os de roubo a banco e extorsão mediante sequestro permaneceram zerados pela quarta e segunda vez consecutiva, respectivamente.

Em contrapartida, houve um caso a mais de roubo de veículo no primeiro semestre. Em igual período do ano anterior foram registrados 16 boletins desta modalidade criminosa.

SAIBA MAIS

O trabalho das polícias paulistas, na região de Presidente Prudente, nos primeiros seis meses de 2020, resultou em 2.749 prisões e na apreensão de 187 armas de fogo ilegais. Também foram registrados 777 flagrantes por tráfico de entorpecentes. 

Veja também